Não é você, sou eu


Não, não era você literalmente. Hoje eu vejo muita coisa que não enxergava antes. Muita coisa mudou ao longo do tempo, eu mudei você mudou (ainda bem, ta?). Na verdade, acho que eu errei em te amar demais, em me entregar demais, que tudo para você não passava de um passa tempo, de um amor de férias. Mas é assim mesmo, aquele ditado que agente só aprende quando passa, ele está tendo um significado enorme para mim.

Uma coisa na qual eu me culpo sempre foi ter me entregado demais a uma coisa, que no final das contas não valeu a pensa, mais como iria dá para saber né? Muita coisa na verdade está me fazendo lembrar, de você de nós, nem sei por que me lembrei de você na verdade, você está sendo feliz com outra pessoa, e isso é o que me deixa mais triste, está triste por uma pessoa que é feliz com outra, isso é o cumulo mesmo.

Não posso ser hipócrita, de dizer que te desejo tudo de bom para o seu novo relacionamento. Que nada, desejo que você perceba que a pessoa ideal para ficar do seu lado era eu, que tudo que você fizer ao lado do ‘’fulano’’, lembre de mim, dos nossos momentos. Queria também te dizer que eu também estou saindo com outra, e também quero dizer que eu vou fazer de tudo para ser feliz, e te esquecer, por tanto é isso.
Comentários do Facebook
2 Comentários do Blogger