Coisas de 2014

O ano já está quase terminando, e não acredito que aconteceu tanta coisa boa esse ano, tantas metas concluídas pessoais, tantas coisas boas. Agradeço as coisas ruins também, por causa delas, eu me superei cada vez mais, aprendi lhe dá com as coisas melhor, deixei certas coisas de lado, deixei de me limitar.

 Esse ano apesar de ter sido muito bom, foi muito duvidoso, muito demorado, e muito repercutido para mim. Tive coisas que jamais poderia pensar em conquistar. Talvez seja isso, que esteja me deixando tão ansioso, para 2015, quero que no próximo ano, seja melhor, que venham cada vez coisas boas, ainda espero que nesses últimos dias de 2014 possa me surpreender, quem sabe.

Apesar de não ter me dado tantas chances, por ter me privado demais por medo. Na qual medo de me machucar, de achar que vai acontecer tudo de novo, vai ser cada vez pior. Medo de não querer acreditar mais no certo ‘’amor’’. Na qual eu não me dei uma chance para viver outras coisas na verdade novas coisas. Ano que vem, eu quero me permitir mais, permitir a amar mais, e acreditar sim, que as coisas boas podem dá certo SIM.
Comentários do Facebook
2 Comentários do Blogger